sábado, 14 de maio de 2016

FLAVIO CARPES - NOTAS MUSICAIS


Olá a todos. Segundo sábado do mês e cá estou eu de novo pra falar de música. E claro, boa música. Hoje resolvi falar do novo show de Marina Lima, “No Osso”. Se pra mim, Rita Lee é nosso nome maior do rock, se Lulu Santos é o grande ícone masculino do pop brasileiro, se Antonio Carlos Jobim foi nosso maestro maior, Marina Lima foi e, pra mim, sempre será a grande musa feminina do pop brasileiro.

Além de sua levada chique no pop, uma coisa transitando entre o urbano e o rock, Marina é excelente compositora e durante boa parte de sua carreira contou com auxílio mais que luxuoso do poeta, escritor, filósofo e crítico literário e irmão Antônio Cícero, escrevendo muitas das letras de seus grandes sucessos. 

A primeira parceria dos dois irmãos aconteceu de forma inversa. Marina musicou o poema “Alma Caiada” do irmão e logo Maria Bethânia quis gravar o poema que virou música. Era 1976 e a canção acabou censurada. Acabou sendo lançada apenas dois anos depois, por Zizi Possi, no LP “Pedaço de Mim”.  Depois disso, seguiram-se as parcerias de Marina com o irmão em “Olhos Felizes”, “Charme do Mundo”, “Acho que Dá”, "Fullgás", “Difícil”, “Pra Começar”, “Virgem”, “Acontecimentos”, “À Meia Voz” e “Deixe Estar”, entre outras composições.

Foram tantos sucessos de Marina Lima que é de lamentar a carreira abreviada, ou pelo menos muito atrapalhada pela perda da voz, cujo motivo até hoje é controverso.

No show “No Osso”, Marina volta às raízes da composição num show voz e violão. O cenário, uma sala de estar à meia luz, realça a atmosfera intimista e me deixa cheio de saudade da Marina antes de perder a voz, que nunca mais recuperou totalmente. Entre sucessos, novas canções e alguns clássicos, Marina é pó, é chique, é Marina. Se pudesse, juro que emprestaria a minha voz pra ela voltar a cantar como a grande musa do pop rock, Marina Lima.


Deixo aqui pra você curtir um pouquinho do que falei um vídeo do novo show de Marina e a música Fullgás. Esses e outros grandes sucessos da nossa música você pode ouvir na Rádio Brasileiríssima, em www.radiobrasileirissima.com.br que você pode ouvir nos aplicativos TuneInRadio e RadiosNet.

Beijos e até o mês de junho.

Flavio Carpes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...