segunda-feira, 21 de julho de 2014

BELEZA - FOLICULITE


Muito temida, embora muita gente ainda confunda; as acnes se concentram no rosto e no tronco, enquanto a foliculite pode aparecer em qualquer região do corpo onde existam pelos encravados, ou seja, as espinhas só aparecem no bumbum em casos de acne gravíssimo. Mesmo sendo muito comum entre as mulheres, a foliculite (inflamação de um ou mais folículos capilares, que pode ocorrer em qualquer lugar da pele) no bumbum é causada, na maioria das vezes, pelo uso de calças muito justas, que é quando as bactérias estafilococos da própria região acabam se proliferando, atingindo a estrutura que origina os pelos, o folículo piloso, causando um processo inflamatório.

Até aí tudo bem, pois é só tratar e está tudo certo, não é? Errado. Pois mesmo depois de tratadas, essas inflamações podem voltar, por isso, o melhor é sempre prevenir.


Como prevenir e tratar a foliculite
A foliculite é uma lesão semelhante à lesão da acne, que pode ou não ter pus, só que aparece mais nas costas, nas coxas, na nuca e principalmente nas nádegas.

Siga algumas dicas:
- Use sabonete antisséptico nos locais atingidos (caso já tenha as lesões na pele);
- Faça compressas umedecidas e mornas para promover a drenagem dos folículos afetados;
- Evite passar muitas horas sentada e também usar roupas ou calças muito justas, pois isso acaba dificultando que a pele respire de maneira adequada, causando ou piorando o aparecimento da foliculite;
- Tente dormir com roupas bem larguinhas e de preferência sem calcinha, ou, caso não seja possível, prefira as confortáveis, de algodão;
- Evite a depilação com cera quente, pois ela facilita o encravamento de pelos, arrancando-os pela base, assim como aplicar hidratantes depois, pois eles obstruem os poros;
- Jamais use pinça, se arrancar os cabelinhos à força, poderá surgir uma ferida indesejável;
- Nunca, em hipótese alguma, mesmo em desespero tente espremer;
- Evite tecidos que retêm o suor, prefira sempre o algodão;
- Use creme e hidratantes a base de uréia ou ácido glicólico que ajudam a desencravar os pelos. O importante é hidratar sempre o local e fazer esfoliação sempre que possível. Uma dica é usar sabonete de enxofre com uma esponja esfoliante. Abuse da bucha vegetal, no banho mesmo, porque ela deixa a pele lisinha, retirando as células mortas.
- Na hora de se depilar… infelizmente, ainda não apareceu um método que seja ideal, porém o mais recomendado pelos especialistas e o qual diminui as chances dos pelos encravarem é o da depilação a laser definitiva, principalmente para os quadros mais agudos. Porém, se fizer a depilação com lâmina, evite usá-la no sentido em que os pelos cresçam.

Por último, vale ressaltar que o melhor, se surgir o problema, é procurar um especialista, pois muitas vezes o tratamento da foliculite requer antibióticos aplicados sobre a pele ou por via oral, ou medicamentos antifúngicos para controlar a infecção.

Para casos mais graves, alguns médicos aconselham a aplicação de peelings especiais, que afinam a pele e tiram manchas causadas por lesões antigas.
(Fonte: sitedebelezaemoda)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...