sexta-feira, 3 de outubro de 2014

SERGIO CARRANO - DE ONDE VEM A COMIDA QUE VOCÊ COME?


Nossos avós nos ensinaram que para ter saúde bastava dormir bem e se alimentar bem. Assim, você estaria preparado para as tarefas diárias com saúde e disposição. Vamos falar neste post sobre se alimentar bem.

Se alimentar bem significa ingerir alimentos saudáveis que nos fornecem a energia necessária para o dia a dia. Alimentos saudáveis, são aqueles que não trazem risco à saúde. Por isso, nossos avós sabiam da importância de se comer hortaliças, verduras, legumes, leites e carnes fornecidos por pessoas conhecidas, na época. O “seu fulano” era o dono da horta do bairro e seu avô sabia que ele produzia de forma natural, por isso, comprava com ele. O leite era entregue na porta de casa e a galinha era comprada no abatedouro da “dona fulana”.

Seu avô sabia da onde vinha a comida que era consumida pela família, ou seja, a garantia do produto era dada pelo próprio produtor ou pelo comerciante, o “Sr. José da mercearia”. Este, fazia questão de dizer que conhecia bem seus fornecedores e sempre afirmava que se o produto não fosse de ótima qualidade, ele não vendia.


Acontece que com a globalização, o mercado mudou. A ideia de transformar a comida em um negócio rentável, levou-se à perda do caráter de venda local dos alimentos. Agricultores começaram a utilizar agrotóxicos e a indústria de alimentos passou a utilizar ingredientes químicos para manter os produtos mais tempo nas prateleiras dos supermercados. Com isso, produtos alimentícios cruzam o país de ponta a ponta, perdendo-se a oportunidade de se saber quem produz e como se produz.

Você nem se dá conta de que pode estar tomando um cafezinho que foi produzido em outro estado da nação, ou mesmo que o biscoito dado a seu filho veio lá do norte do país. Com tanta viagem, haja ingrediente químico para fazer isso durar no transporte e nas prateleiras dos supermercados! Como pode um alimento durar tanto tempo, saudavelmente, até ser consumidor? Milagres da química que você ingere diariamente.

Nossos avós nos ensinaram que para ter saúde, basta se alimentar bem. Então, siga esse sábio ensinamento e procure se alimentar com produtos realmente saudáveis. Compre alimentos frescos e naturais no comércio local. Se precisar comprar alimentos industrializados, tente fazer isso de empresas realmente responsáveis que utilizam aromatizantes, corantes e conservantes naturais. Leia o rótulo dos produtos e na dúvida consulte o produtor.

Não faltam websites, médicos, nutricionistas e pesquisadores falando sobre a importância de se consumir alimentos frescos e naturais, evitando os industrializados por conta dos ingredientes químicos que estes contem.

Não se deixe levar pelos modismos se você não possui necessidades alimentares especiais (light, diet, glúten e etc.). Para ter saúde, basta consumir todo e qualquer alimento de forma equilibrada, usando o bom senso, afinal, foi assim com seus avós e poderá ser assim com você e sua família.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...